A neuropatia periférica é a complicação mais comum da diabetes, capaz de comprometer todos os tecidos do corpo e ser causa de significativa morbidade e mortalidade. Apesar da evolução atual da ciência médica, continua complicada e incompleta a compreensão dos efeitos produzidos pelos processos patológicos da neuropatia diabética nas atividades fisiológicas normais e os tratamentos disponíveis são apenas modestamente eficientes no alívio dos sintomas. A Diabetes é a causa mais frequente de neuropatia a nível mundial.

 

 

O que é Neuropatia Diabética?

 

Neuropatia Diabética

Neuropatia Diabética engloba um conjunto de síndromes com diferentes manifestações clínicas, podendo surgir em diabéticos que façam insulina ou em diabéticos que não sejam insulino dependentes de igual forma, uma vez que o ponto fulcral desta neuropatia (à semelhança das outras complicações da diabetes) é o mau controle da glicemia.

De um ponto de vista fisiopatológico, os nervos periféricos dos doentes diabéticos apresentam perda de substância e alterações vasculares.

Mononeuropatia Periférica pode resultar de morte de neurônios ou compressão nervosa, apresentando dor em queimadura, formigueiro e hiperalgesia no território do nervo afetado.

As Radiculoneuropatias são extremamente dolorosas e podem ser focais ou multifocais. A dor é mais intensa durante a noite, acompanhada de hiperestesia e descrita como “queimadura” ou “fisgada”.

Amiotrofia Diabética é uma neuropatia do plexo lombo-sacro, mais frequente em homens idosos com diabetes tipo II, numa fase inicial de controle glicêmico em que há perda de peso. Pode ser uni ou bilateral, associa-se a fraqueza muscular e sintomas autonômicos.

O quadro clínico pode ser confundido com caquexia ou neuropatia compressiva, pelo que as neoplasias têm de ser excluídas.

A poli neuropatia sensório-motora simétrica distal, também conhecida por Neuropatia Diabética Periférica, é a neuropatia mais frequente em diabéticos.

O doente refere “dormência” e “formigueiro” nos membros inferiores, sobretudo os pés, com progressão proximal, simétrica, que se vai estabelecendo ao longo de meses a anos. Com a evolução da neuropatia os membros superiores também são atingidos com a típica distribuição em “meia e luva”.

A dor é pior durante a noite e descrita como “choques eléctricos espontâneos”, “fisgadas” ou sensação de “queimadura quente ou fria”. O exame objetivo dos membros inferiores destes doentes revela rarefação pilosa, pele brilhante e atrofia muscular. 

principal objetivo do tratamento da neuropatia diabética é a manutenção da normoglicemia, porque só esta permite desacelerar a progressão da doença.

Tratamento da Neuropatia Diabética:

  • Medicação – Anticonvulsivantes e antidepressivos em associação com outros fármacos.
  • Bloqueios da cadeia simpática
  • Neuromodulação
  • Cirurgia de descompressão

 

Neuropatia Diabética

Prevenção da Neuropatia Diabética

 

A Prevenção e o tratamento para diabetes é individualizado, o que funciona com seu amigo ou vizinho, pode não funcionar com você. A melhor maneira de você conseguir dominar o controle do diabetes é através do conhecimento.

Você deve conhecer seu corpo e suas condições de saúde. Conhecer os grupos alimentares e como eles impactam seus níveis de glicose no sangue, vão te permitir a fazer boas escolhas alimentares.

A falta de informação sobre alimentação é um problema bastante sério e que incomoda muitos diabéticos. Por este motivo recomendo a você uma forma maravilhosa de como controlar a diabetes.

Estou falando do Programa Diabetes Controlada.

Trata-se de um método 100% comprovado e aprovado, pela boa ciência e por estudos de ponta! Esse programa foi criado pelo Dr. Rocha, que tem como missão de vida ajudar as pessoas e serem livres da diabetes, pois essa doença já se tornou uma epidemia mundial por causa da falta de informação. Mas, no Programa Diabetes Controlada você encontra uma solução real para essa reverter essa doença.

O Programa Diabetes Controlada funciona para qualquer tipo de diabetes, controlando e até revertendo a pré-diabetes, a diabetes tipo 2, a diabetes gestacional, controlando e revertendo também a diabetes em crianças e no caso dos diabéticos tipo 1 através do programa eles podem reduzir em mais de 83% o uso de medicações. Para conhece-lo, CLIQUE AQUI.

 

Sobre o Autor

Você Bem Saudável

Leave a Comment

Médico Revela

Como se Livrar da Diabetes em 30 dias

Clique no Botão Abaixo e Comece
Agora seu Treinamento
Quero Ser Mais Saudável
Faça Parte desta Comunidade!!